Manuela Ferreira Leite, o PDS e o TGV

Manuela Ferreira LeiteDr.ª Manuela Ferreira Leite, eu também não gosto de pensar que os espanhóis se possam imiscuir em assuntos da nossa política nacional. Era só o que faltava.

Também não quero que Portugal seja uma província espanhola. Se necessário fosse, estaria disposto a pegar em armas para defender a Pátria, veja lá.

Mas, não acha a Dr.ª que o tempo do “orgulhosamente sós” já lá vai? Não acha a Dr.ª que fugir a compromissos assumidos entre estados nos fica mal?

É que, repare, Dr.ª, que foi um governo do qual a senhora fazia parte que se comprometeu com nuestros hermanos nesta coisa do comboio de alta velocidade. Fica-lhe mal a si, ao partido que representa, ao país e aos portugueses essa birra eleitoral de querer fugir com o rabo à seringa.

TGV Comboio Alta VelocidadeDe resto, se o comboio chega a Lisboa ou não… Bom, a verdade é que me é um tanto ou quanto indiferente.

É que, atente nisto Dr.ª: eu já vou a Espanha comprar gasolina e tabaco, já vou a Espanha abastecer grande parte da dispensa lá de casa, já vou a Espanha até para apanhar aviões. Acha mesmo que me vou incomodar por ter que ir a Espanha apanhar um comboio que me põe na Europa em menos que nada?

Ah pois é. A senhora não quer o TGV, mas eles, os espanhóis, não vão deixar de o fazer e mais dia menos dia vou te-lo aqui à porta de casa, em Badajoz. É que ao contrário do que se passa por cá, os governantes deles não deixam as suas populações de mãos a abanar, sem qualquer hipótese de desenvolvimento.

Pense nisso Dr.ª. Pense nisso antes de voltar a ter coragem de pedir o meu voto no próximo dia 27.

Publicidade

3 Responses to “Manuela Ferreira Leite, o PDS e o TGV”

  1. 14/09/2009 at 21:52 #

    Fosga-se pá, tiraste-me a ideia do “Orgulhosamente sós”. Deixa, escuso de colocar a fronha da mulher(?) no meu blog.

  2. 20/09/2009 at 00:50 #

    Sorte a sua que mora por lá perto… Eu não tenho essa sorte. Vou sendo roubada por cá… Herança em grande parte desse governo em tudo fantástico (ironia nítida) do PSD em coligação com CDS. Gastaram dinheiro em submarinos absolutamente necessários (mais uma vez a ironia) e liberalizaram os preços dos combustíveis, isto mantendo o salário mínimo na mesma porque “o aumento do salário mínimo seria um desastre para o país”. Eu espero sinceramente que eles se vão catar para bem longe!

Trackbacks/Pingbacks

  1. Manuela Ferreira Leite, o PDS e o TGV :: w a z z u p - 15/09/2009

    […] Manuela Ferreira Leite, o PDS e o TGV […]

Quer comentar?