Coitados dos americanos

Blindness PosterOs norte-americanos são, regra geral, burros! Coitado do bicho que não tem culpa nenhuma, mas sirvo-me do preconceito que o rodeia para me referir à ignorância que grassa entre os habitantes do país do tio Sam. Ora, aquela gente que, supostamente, “governa o mundo”, fá-lo do alto da sua estupidez.

Vem este desabafo a propósito da estreia do filme Blindness, baseado no romance Ensaio Sobre a Cegueira do nosso nobel José Saramago.

Para quem não conhece, a ficção tem como ponto de partida a cegueira que começa a afectar a grande maioria da população. De um momento para o outro, as pessoas ficam cegas e não existe qualquer causa médica que explique o facto. A partir daí desenrola-se toda a acção, numa narrativa, num estilo e num ritmo que só podiam ser de Saramago.

Em relação à história não digo mais para não estragar a surpresa dos que querem ver o filme ou ler o livro.

Este post, em que afirmo com todas as letras que os norte-americanos são burros e ignorantes, prende-se com um fait divers que aconteceu aquando da estreia do filme nos States. Parece que à porta dos cinemas se instalaram piquetes formados por membros de uma associação de cegos americana que tentavam impedir que os espectadores entrassem nas salas. Tudo porque a tal associação se sentiu incomodada com um filme que não respeita a forma como os cegos vêem o mundo…

Eu podia continuar com este meu desabafo, mas quer-me parecer que não vale a pena. Depois de exposto o motivo do protesto, está tudo dito, não acham?

Publicidade

Trackbacks/Pingbacks

  1. Ensaio Sobre a Cegueira | JoaoCustodio.net - 22/12/2008

    […] cerca de 2 meses atrás escrevi este post acerca de um espisódio rídiculo que aconteceu aquando da estreia do filme Ensaio Sobre a Cegueira […]

Quer comentar?