Pessoa(s)

Com a correria dos ensaios e de todos os preparativos que uma peça de teatro implica, acabei por deixar passar esta. Estreou ontem no Centro Cultural de Campo Maior o recital de poesia Pessoa(s) com textos do genial Fernando Pessoa.

A convite do Blá Blá BLá – Teatro Jovem de Campo Maior, integrei o elenco para vestir a pele de Álvaro de Campos, um dos heterónimos de Pessoa. Uma experiência, a todos os níveis, única e uma forma de fazer teatro que me deixou ainda mais apaixonado pelo palco.

A selecção dos textos e a encenação estiveram a cargo da Paula Silva e a direcção de actores e as coregrafias foram tarefas da Maria Lama. Comigo no palco estiveram o José Soutino – Fernando Pessoa, o Joel Moreano – Alberto Caeiro, o João Azinhais – Ricardo Reis, o José Garcia – Bernardo Soares e a Clarisse Lacerda – a Lídia mais bonita do mundo. Por detrás das luzes e do som os omnipresentes Luís Lacerda e Filipe Costa e, como sempre, um apoio extraordinário de todo o pessoal do Centro Cultural de Campo Maior e da Vereadora da Cultura, Ana Golaio.

A toda a esta gente o meu obrigado!

Publicidade

Trackbacks/Pingbacks

  1. Outra vez teatro | JoaoCustodio.net - 18/10/2008

    […] sentado sou. No papel de Alberto Caeiro, manipulado por José Pessoa Soutino, na peça de teatro Pessoa(s). A foto é de Pedro Gama, feita ao serviço da Rádio Campo Maior. A ele e à RCM o meu […]

Quer comentar?